11 de janeiro de 2017

Tempos difíceis

Gabriel Fernandez jogou o ano todo pelo Racing do Uruguay tendo sido o goleador do campeonato uruguaio.
Despertou interesse de vários times, entre eles o Grêmio, que obteve sucesso na negociação.
Chegando a Porto Alegre foi constatado um problema que impediria o seu aproveitamento imediato. Por conta disto houve desistência do negócio.
Bastou para os pilantras de sempre apontarem as bazucas para os lados da Arena.
Muita asneira foi dita. Teve até um arigó, apoiado por outros dois arigós mais conhecidos, que insistiu que o tricolor deveria ter mandado uma equipe médica para Montevidéu. Como se isto fosse a praxe nas contratações.
Não é. Nunca foi.
O Grêmio deveria ter se informado mais? Por que se o histórico dele foi o de ter atuado todo o ano de 2016?
Mas preparem-se torcedores. O ano vai ser assim. Vai ser muito pior do que os anos anteriores. O esforço para levar o Grêmio junto para o buraco onde sofre o co-irmão será muito grande.
Até parece que é na Arena que jogadores desistem de jogar um ano e meio antes de encerrar o contrato.
Vacinem-se, porque o ano será para os fortes e pacienciosos. A vida não será fácil para nós.
A lamentar no episódio duas coisas:

  1. Aparentemente o jogador é bom e seria uma bela aquisição.
  2. A frustração que deve ter tomado conta deste menino de 22 anos, que viu uma grande chance escorrer pelas mãos.
Que ele tenha sucesso na recuperação e possa voltar a jogar em alto nível.

17 comentários:

Anônimo disse...

Lamentável o blogueiro Algoz não postar comentários que não receba o carimbo dele.
Qualquer opinião diferente, mas que seja ponderada, educada e que cabe uma resposta de mesmo peso, é jogada no lixo.
Qual motivo Algoz? Sou leitor e Gremista.
Só pelo simples fato de mencionar a postura medrosa do Odorico?
Agora que seria o momento de fazer valer a bronca da IVI, vocês dois estão se cagando de medo.

Anônimo disse...

TAILOR TORRES
Cara, sei lá.
Acho que a Direção vem sendo perspicaz, mas duas vezes acontecer isso, é chato.
Mas acho que não perdemos muita coisa.
Por isso não há tanta reclamação.
Manter o elenco é importante, mas o estado anímico é mais importante ainda.
Queremos saber o que irá acontecer após a Conquista da Copa do brasil.
Se haverá um acomodamento,
Ou os jogadores vão querer algo mais?
E tem mais
Estamos na politica de Austeridade há dois anos, ainda não deu pra equilibrar as finanças?
E sobre o perfil de jogadores, será que nenhum jogador referência tipo Pratto, Calleri, não quer jogar no Grêmio?
Ou melhor, ninguém esta disposto a investir no Grêmio - o rei de copas?
O que está acontecendo Algoz?
É natural por causa da crise?
Ou o Grẽmio está preocupado com outra compra mais importante.
E sinceramente, a galera do blog tá contente com os reforços?
Esse é o planejamento?

Anônimo disse...

-Valdo-

"O ano vai ser assim. Vai ser muito pior do que os anos anteriores. O esforço para levar o Grêmio junto para o buraco onde sofre o co-irmão será muito grande."

Esse foi o meu erro. Não sei explicar porquê, mas acreditava que um título para um lado e rebaixamento para o outro seria como o fim de tudo. Finalmente teríamos vencido a guerra.

Como fui ingênuo. Não foi o fim. Foi um novo começo.

Anônimo disse...

Agora a ivi e os gremistas ivinos (ivi + ovinos) querem que o Grêmio contrate boleiro bichado, ah tá!
Por mim fechemo o moreno tá aí treinando já conhecemos e é bola tem 29 idade boa junto da gurizada pra aprumar na volta dele e do Douglas.
Outra, faz um contrato cheio de cláusula de produtividade tipo se passar de 10 gols vai pra 250 mil passar de 15 275 passar de 20 300 passar de 25 325 passar de 30 350...
Meta por assistência se fizer X por semestre ganha um bonus.
Isso tudo pode chegar a um salário bem alto mas mediante ter o artilheiro do ano que faz muitas assistências, ou seja, custo beneficio bom.

E se ele se trata em Porto Alegre é porque prefere aqui do que minas ou china.

Regis disse...

Ué, não entendi o primeiro comentário aí em cima... Então deveríamos contratar o jogador "bichado"?

Vi com muita curiosidade chamarem o nosso zagueiro Gabriel para levantar a Copa do Brasil. Depois de uns dias é que vim a saber que o chamaram em solidariedade, pois o mesmo está há ANOS sem jogar por conta de complicações em operações mal feitas no joelho.

E aí, é isso o que queríamos? Gastar nossos parcos pilas com um jogador que, embora promissor (notem, promissor é beeeem diferente de inquestionável), pode passar um bom tempo sem jogar? Eu não contrataria. Acho que a direção fez o certo. Temos um bom elenco, não há desespero nenhum em contratar, dá para ir só na boa.

Anônimo disse...

RAMA
Mas qual o problema de o gremio comprar ele e fazer a recuperação aqui, nao entendi, eu teria ficado com o guri se ele jogar daqui a 2 meses ainda assim seria um bom negócio, mas isso e minha opiniao!!!

Maurício Almeida disse...

Mais uma atitude da Diretoria a ser aplaudida. Sem medo de desgostar torcedores e ouvir críticas da imprensa, está agindo corretamente. Não queremos outro "Fábio Aurélio" no Grêmio.

Matheus Mendes disse...

Olá, gostaria de um post do blog sobre a situação do torneio amistoso que o Grêmio estaria organizando até o fim deste mês. Muito grato.

heraldo disse...

Jogador bichado é bão,vamo concertar aqui,síndrome do chevete véio .
O que é que tem se na hora de assinar a compra do apto 3 qqts só tiver 2ats,tudo bem ai os ivinos(BBBB)vão te aplaudir.
Sério que achavam que com o titulo a macacada de TODA imprensa gauderia iria refrescar,meu deusx

Pau Kersey disse...

A direção está certa. Sem reparos. A maior prova disso é a reação dos isentos.

João Antônio disse...

Deixem a IVI falar a vontade... Agora ganhamos um título (e de quebra eles ainda caíram) e isso é o que importa. Vai mudar o espírito do clube e tirar o peso de um grupo que carregava esta sina. E que a partir de agora vai se fortificar, avisando aos novatos que chegarem, que ali tem campeões do Brasil. Quanto mais crescemos, mais criticarão... E cresceremos mais. Pois foi assim nestes primeiros anos da Arena (e nos últimos do velho casarão). Aliás o motivo de toda esta inveja na minha opinião, é esta belíssima obra do clube. Imaginem quando o processo de compra estiver concluído... É muito difícil para muita gente, aceitar que um dos melhores palcos futebolísticos do mundo foi erguido ali no Humaitá, para receber muitas taças que certamente virão depois da primeira, no já histórico 2016...

MatheusTricolor disse...

Regis, a diferença é que no caso do Gabriel, o erro foi TOTALMENTE dos médicos do clube, não?
E acabar com a carreira de um jogador, não contratá-lo e mandar de volta provavelmente custaria muito mais caro do que mantê-lo no elenco e ter chance de recuperá-lo.

Gilberto Rezende-Rio Grande/RS disse...

Sobre o guri paraguaio aplica-se a mesma lógica do Kayke, no período de negociação clube e empresário ou esconderam a operação de reconstituição do joelho ou afirmaram (como fez o seu empresário na chegada a Porto Alegre) que o joelho estava CURADO coisa que o Departamento Médico discordou e vetou a contratação.
O que mais me revolta é os jornaleiros vermelhos transformarem um procedimento absolutamente profissional e correto no maior interesse do clube em campanha de desestabilização do Grêmio.
Nesta hora eles esquecem convenientemente as múltiplas contratações de jogadores do sci que passaram a temporada anterior a sua contratação (2015) no departamento médico de seus clubes de origem (Rever à frente) e simplesmente não jogaram na gestão Píffera. E não me lembro de ver nenhum deles falar com tamanha virulência destas contratações FEITAS E DE PREJUÍZO CONSOLIDADO ao cocô-irmão.
Como já disse está claro que o líder-vermelho da ivi do morro já elegeu o Arigatô como o suposto ponto fraco onde eles vão bater para tumultuar o ambiente do Grêmio.
A desistência da contratação decorre de um veto do departamento médico uma vez que a contratação era para um ano e para jogar de imediato, o tempo previsto de recuperação de mais de 3 ou 4 meses inviabiliza o empréstimo. Só acho que SE for este o caso, o Grêmio deveria esclarecer melhor em nota o porque da desistência e até abrir a possibilidade de reavaliar a contratação deste jogador no meio do ano SE ainda estiver disponível. Da forma sucinta que foi, a nota gremista fará pairar sobre este jogador a dúvida no mercado da bola da operação ter sido mal feita e/ou o seu joelho estar "bichado". Não está fora de cogitação uma resposta do time Paraguaio contestando a avaliação médica do Grêmio e mais festa para a ivi fazer intriga...

P.S. Algoz além do problema ainda não resolvido dos comentários tá dando nos nervos os links dos jogos da Copinha que entram em execução direto r fica uma zoação no som do computador quando se acessa o Blog. Se não der para reconfigurar o link para não executar o vídeo por default é melhor excluir os links para evitar que cada vez que acessemos o Blog tenhamos que ir aos posts para parar a execução dos vídeos... Pelo menos no navegador Google Crome que eu uso os vídeos entram direto ao acessar o Blog.

Anônimo disse...

Mas tá loko. A direção está corretíssima. Já imaginaram a falação, minha inclusive, se contratassem bichado. Tem gremista conjecturando que deveria contratar/recuperar/etc.... realmente não tem como agradar a gregos e troianos. TORO com CARBÚNCULO não serve.

Anônimo disse...

Tche gurizada vamo ajeita um formato melhor que esse, aquele não dá beleza mas esse não tá legal vamo fala com o arigato aí !
E falem com ele esse negócio de so novo só novo? Não sei.. o moreno tá deixando claro que quer estar aqui que gosta da cidade, não é migue de mercenario tipo o barcos, todas férias do moreno ele passa aqui jogando ou não , faz um bom contrato que tu tem o cara feliz e o problema resolvido exatamente igual o Edilson e Douglas para pra pensar no custo benefício de adaptação do cara família etc até render no clube em meio de liberadores?
O Bolívia já chega aclimatado tipo Edilson líder de vestiário metendo caixa!
É tiro dado e bugio deitado tem horas que tu não pode errar a mira tamo liberando 300 mil do fernandinho e 200 mil do walace reis salario não é desculpa odoríco.
Resolve isso!

COPIÃO DE TUDO disse...

Eu estou gostando das atitudes da nova Diretoria do Grêmio, pois dane-se o Kayque, Gabriel Fernandez e a Copa dos Campeões com este jeito de lidar com RISCO ZERO na austeridade Bolzaniana que me agrada muito.

O Kayque chegou, passou nos exames e seu agente quis mais dinheiro porque o Santos atravessou o negócio ''antes'' da assinatura do contrato, e o bom Romildo Bolzan mandou os dois andar e vazar. Achei muito bom este comportamento.

Gabriel Fernandez chegou, não passou nos exames médicos e foi convidado à voltar para o Uruguay no final da tarde ''antes'' da assinatura do contrato, e o Romildo eticamente desfez o negócio se protegendo com o RISCO ZERO.

Vazou logo após o almoço nos ''bastidores'' dos setoristas da dupla que hoje o Romildo recebeu uma confirmação de negócio com um importante atacante aqui do mercosul que ele vinha costurando esta contratação desde outubro, e que isso fez facilitar a decisão perigosa de fechar com o uruguaio. Aguardemos.

A Copa dos Campeões foi uma ótima tentativa para incrementar o início dos trabalhos da pré-temporada, mas a crise financeira em todos os setores não permitiram que esse projeto fosse adiante.

Quanto ao canalha lateral Willian, ele deu uma cotovelada intencional e criminosa no Binter depois de comer no prato Bolorado por 5 anos, e isso só comprovou o mau caráter desse rapaz depois que a IVI o protegeu tanto de todos os ataques e acusações que vinham de todos os lados, fazendo o cara virar um anjo no corpo de um baita demônio. Bem feito para TODOS, eles se merecem.

Fabiano SC disse...

Seu Algoz, faça um favor a todos nós: afaste-se do blog enquanto seu irmão for vice-presidente de futebol. É impossível você analisar de forma isenta ou criticar algo que seja relacionado à atuação de seu irmão; e isso é plenamente compreensível.
O que não dá é para ficar lendo alguém que defende a direção depois de tudo que vem acontecendo.
Foram dois enormes micos, sim.
Direção incompetente, Arigatô pode ser um baita sujeito, competente, gente boa, o que for, mas não tem experiência para estar à frente do departamento.
Já demonstrou que não conhece absolutamente nada de futebol, ao não conseguir contratar um jogador que ninguém se lembra e outro vindo de um país que exposta seus talentos cedo para a Europa, ficando apenas com quem não foi quisto por ninguém.
Peça licença, para o bem do blog e de seus leitores.